Arquivo da tag: poesia

POSSO LER-TE EM 


https://plus.google.com/+EduardaPoetas/posts/7XPRVRSxdD7?_utm_source=1-2-2

Deixe um comentário

Arquivado em JEITO FEMININO

David Rodrigues / poesia


Deixe um comentário

Arquivado em JEITO FEMININO

Confira também o post no Tumblr – O presente e o futuro – Milena Medeiros


O PRESENTE E O FUTURO 

Eles caminhavam sempre em frente


o presente e o futuro

Seguiam juntos

Mãos dadas

sem medo

pois, o futuro eles não conheciam

E, o presente, já viviam…

Haviam caminhos silenciosos

outros barulhentos. 

Uns, sinuosos,

outros com bastante gente.

De mãos dadas

Passos seguros

caminhar tranquilo…

Um, distinguia logo ali a sua vida

O outro, pouco mais adiante.

Diriam que pareciam a Pais e Filhos

Onde o tempo brinca

O amor impera

E a vida segue.



Milena Medeiros

11/03/2017 16:20h

Foto by Adriana

Edição de AMD

Imagem cedida para a poeta

Blog no Tumblr milenapoeta

2 Comentários

Arquivado em JEITO FEMININO

Por Tua Culpa (Narração e Poesia de Rick Jones Anderson)


<

Deixe um comentário

1 de junho de 2016 · 11:29 AM

POETA – CIRLEI FAJARDO


POETA…

É isso que o poeta faz…
mistura letras…
mistura tudo…
dança qualquer ritmo…
sem hora de chegada…
sem hora de partida…
remexe tudo
o que vê pela frente…
e num doce balanço…
conquista mais um coração
carente e solitário…
que de sua poesia…
quer ser letra também…

Cirlei Fajardo
(Coleção: Minhas Poesias, g+)

image

Deixe um comentário

12 de maio de 2016 · 12:30 PM

A MENINA QUE SONHAVA ENTARDECERES – MILENA MEDEIROS


image

A MENINA QUE SONHAVA ENTARDECERES

Era assim que ela, menina,
Sonhava…

Nas tardes de sol cor de cobre
Sentava à sombra
E observava o céu.

Tinha uma predileção
Por céu de abril.

“Mas esse maio
Era tudo de lindo!”

Sussurrava
Ao vento
Como se esse fosse gente.

E anoitecia…
Mais uma vez!

Milena Medeiros
06/05/2016
21:26h

Deixe um comentário

6 de maio de 2016 · 9:31 PM

PEGADAS CANSADAS – Milena Medeiros


image

PEGADAS CANSADAS

Calcule seus passos
Guie o seu destino
Não ligue
Pra desdita
Tudo no universo
Se encaixa
Se eterniza.
A sabedoria nasce
Enquanto inicia
E deixa pra trás
As suas pegadas cansadas.

(Milena Medeiros)
28/04/2916

1 comentário

28 de abril de 2016 · 6:23 PM

ANTES QUE AMANHEÇA- Milena Medeiros


image

ANTES QUE AMANHEÇA

FIQUE COMIGO
E ABRAÇA-ME SUAVE.
DEIXE SUA MARCA
EM MINHA VIDA!

(Milena Medeiros)
28/04/2016

Deixe um comentário

28 de abril de 2016 · 6:03 PM

INSPIRAÇÃO


image

INSPIRAÇÃO

Tu estavas sempre perto
Sempre ali
A beira mão.
Vinhas com vagar
Flutuando em meus sonhos…

Prometias
Iluminar-me em noites
Assim, como hoje.

Eu, escondida,
Te flertava.
Eras um diamante
E eu
Uma pobre espectadora.

Milena Medeiros
15/abril/2016
01:48h

Online no WordPress

Deixe um comentário

15 de abril de 2016 · 1:53 AM

TALVEZ – Milena Medeiros / Uma música – “Sierra Hull – Someone Like You” no YouTube


image

Talvez

Talvez você veja isso
Sinta o meu amor
Que
Mesmo longe
Se manifesta em raios de felicidade.

Quando uma música
Me faz lembrar de ti
Uma tarde quieta
A chuva fina na calçada…

Talvez você me sinta
Num leve roçar do vento
Em sua pele.
Ou
quem sabe
Seu coração bata mais rápido…

Talvez você
Lembre de mim
Mesmo que
Seja breve esse momento…

(Milena Medeiros)
29/03/2016

Deixe um comentário

29 de março de 2016 · 12:07 PM

MINHAS PÁGINAS INCOMPLETAS – M. Elaine


Abri seus livros
Foste feito de uma essência diferente
Dessas que cativam,embriagam
Cativam a alma da gente.

Você mostrou algo que eu não conhecia
Antes de ler suas páginas
Aos meus olhos a vida tinha menos cor
Pouca poesia.

Foi uma sensação inigualável
Cada palavra que descobria
A cada rasura sua
Gosto até das coisas que você faz de qualquer jeito,tudo sai perfeito.

Seus rascunhos não precisavam ser refeitos
Até nos erros cometia acertos
E o toque dos seus dedos
Consertavam tudo aquilo que eu não entendia.

A cada página ilustrada
Meus olhos de menina curiosa brilhavam
Seguia as linhas e contornos
Usei de todos os tons de cores
Juntos fazíamos poesia

A beleza cotidiana
De enfeitar a vida dia a dia
Seus sonhos foram meus desejos
Por isso perdi meus medos

Fechei os olhos como num pedido
Um apelo
Firme nos passos
O caminho parecia certeiro

A vôo quase pleno
Nossas mãos se soltam
O laço se rompe
A queda livre me vejo.

Esses planos ainda não saíram da minha cabeça
Eu sei que nada será como eu pensei
A vida prefere ter seu próprio ritmo
Não obedece a caprichos

A porta bateu com tanta força
Senti,como uma violência contra meu corpo
Eu tive um mau preságio naquela noite
Uma forte certeza banhou minha mente

Agora me parece fazer sentido
Aquelas velhas palavras
Nunca saíram de mim
E tudo se encaixa perfeitamente

Você continua sendo a causa da minha febre
A razão pela qual parte inquietante da mente pulsa
O que faz cada palavra desnecessária
Por mais que eu escreva não será o bastante

Por mais que eu grite,nunca será convincente
Eu poderia me desfazer em palavras
Apesar de nada ser suficiente
Elas não serão necessárias

Não dá pra escrever esse livro sozinha
Eu preciso dos seus pontos e vírgulas
Sou queda livre,não consigo frear
Faz falta sua visão nos caminhos
Uma direção em qual estrada pisar

Sinceramente você deixou falhas na minha história
Deixou rasuras no livro que a ti dediquei
Nesse meio tempo parece que perdi o jeito.

No encaixe das suas mãos a vida seria mais fácil de se levar,me sentia exatamente como hoje
Você me deu razões para continuar
E agora nessa fase da vida,falta me faz.

Cansei dessas páginas em branco
Quero o seu colorido desenhado da minha alma.

[M.Elaine]

image

Deixe um comentário

Arquivado em JEITO FEMININO

Carlos Drummond de Andrade


image
via dama da noite

Deixe um comentário

Arquivado em JEITO FEMININO

MEU CANTO – M.elaine


MEU CANTO

Minha boca escancarada
Grita tudo aquilo que você não quer ouvir
Minha  cascata de palavras
Faz tua verdade demolir.

Meu grito, minha alma
Meu grito, minha arma
Meu grito, vos cala
Meu grito, libertai-vos da senzala.

Vamos todos soltar nossa voz
Num mesmo coro
Cantando até a alma expandir
Diga ao mundo aquilo que eles não querem ouvir.

M.elaine

image

Deixe um comentário

Arquivado em JEITO FEMININO

SAUDADE – Marco Paschoal


image

Via gplus vilma g sampaio

Via gplus (Vilma Gonçalves Sampaio)

Saudade…
  do beijo,
    do cheiro,
      do respirar,
        de partilhar o mesmo ar
          de ocupar o mesmo lugar.”

                          Marco Paschoal
                          (Meus Desejos)

Deixe um comentário

Arquivado em JEITO FEMININO

DESERTO DE SENTIMENTOS – Milena Medeiros


image

Quando o espaço preenchido pelo amor dá lugar ao deserto de sentimentos, nem a saudade bate na praia do coração!

~ 19:48h. 19/06/2015 ~
        Milena Medeiros

Publicado do WordPress para Android

Deixe um comentário

Arquivado em JEITO FEMININO