RECADO DE O T VELHO NO ORKUT

22 mai

O.T.Velho:

TROÇOS DE UM DIA AMARGO

Perco-me todo em caminhos
Que sempre viram passatempo,
Escondem medos, torvelinhos,
Coisa guardada há muio tempo.

Assim em mim cada momento
Recorda apenas o que sou:
Um velho mundo cismarento,
Rasgo de um nada que passou.

Volto pro longe… não consigo
De nenhum modo me expressar
Cada palavra do que digo
É nada além deu me calar.

O.T.Velho

Deixe um comentário

Arquivado em JEITO FEMININO

Agradeço ter visitado o blog e comentado. Logo responderei. (Milena)

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Saiba como seus dados em comentários são processados.